A 'piada' sobre queda de avião que fez Malásia pedir ação contra comediante dos EUA à Interpol

Iniciado por noticias, 15, Junho, 2023, 19:04

Tópico anterior - Tópico seguinte

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

A 'piada' sobre queda de avião que fez Malásia pedir ação contra comediante dos EUA à Interpol


     A piada da comediante Jocelyn Chia sobre o desaparecimento do avião da Malaysian Airlines gerou comoção na Malásia. Jocelyn Chia, uma advogada que virou comediante, é uma artista de destaque em Nova York
GETTY IMAGES via BBC
A Malásia está pedindo a ajuda da Interpol para localizar uma comediante de Nova York que fez piada sobre o desaparecimento do voo MH370 da Malaysia Airlines.
Jocelyn Chia, uma cidadã americana que cresceu em Singapura, está sendo investigada sob as leis da Malásia relacionadas à incitação e conteúdo ofensivo online, segundo a polícia.
A piada, publicada na internet na semana passada, gerou um protesto oficial da Malásia e um pedido de desculpas de Singapura.
O voo MH370 desapareceu depois de decolar de Kuala Lumpur, capital da Malásia, em março de 2014.
Apesar de uma busca de quatro anos no Oceano Índico, a parte principal do avião nunca foi encontrada. Todas as 239 pessoas a bordo foram dadas como mortas.
Na terça-feira (13), o chefe da polícia nacional da Malásia, Acryl Sani Abdullah Sani, anunciou que apresentaria um pedido à Interpol nesta quarta-feira para obter a "identidade completa" e a "última localização" de Chia.
A Interpol ainda não respondeu publicamente sobre o caso — e não está claro se a Malásia tem poder jurisdicional para solicitar tais informações.
A Interpol pode emitir um "alerta vermelho", pedindo que as autoridades dos países membros localizem e prendam provisoriamente aqueles que são alvo de processo criminal ou mandado de prisão antes de serem extraditados.
A Malásia e os EUA têm um tratado de extradição — no entanto, as autoridades malaias ainda não indicaram se pretendem processar ou indiciar Chia. O escopo da investigação não está claro.
A confusão começou depois que Chia postou um vídeo do seu recente show de stand-up no Comedy Cellar de Manhattan, em Nova York, nos EUA.
A apresentação incluía um número sobre a rivalidade histórica entre Singapura e Malásia, que já fizeram parte do mesmo país por um breve período.
Observando que Singapura havia se tornado um "país de primeiro mundo", enquanto a Malásia permaneceu "em desenvolvimento", ela fez uma piada dizendo que os aviões da Malásia "não conseguem voar".
"O desaparecimento da Malaysian Airlines não teve graça, né? Algumas piadas não funcionam", acrescentou Chia, fazendo um trocadilho em inglês com o termo "land", que além de indicar que algo é bem-sucedido, também significa "pousar".
O vídeo, que gerou uma comoção na Malásia, foi removido pelo TikTok, que citou uma violação de suas diretrizes de discurso de ódio.
O embaixador de Singapura na Malásia afirmou que Chia não falou pelos singapurianos. Vivian Balakrishnan, ministra das Relações Exteriores de Singapura, condenou as "declarações horríveis" da comediante.
No domingo (11), Chia disse à rede americana CNN que realizou o número "mais de 100 vezes" sem problemas.
Ela acrescentou que defendia a piada e que o vídeo havia sido retirado de contexto.

Source: A 'piada' sobre queda de avião que fez Malásia pedir ação contra comediante dos EUA à Interpol
  • Visualizações 52 
  • LEIA SEMPRE AQUI!
  • 0 Respostas




Tópicos semelhantes (5)