Apagão atinge Panamá a três dias da chegada do Papa Francisco

Iniciado por noticias, 22Janeiro2019, 09:01

« anterior - seguinte »

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

noticias

Apagão atinge Panamá a três dias da chegada do Papa Francisco


   Parte do país também ficou sem água. Visita de pontífice é para Jornada Mundial da Juventude.  Metrô na Cidade do Panamá fechado após apagão no domingo 21 de janeiro
REUTERS/Erick Marciscano
Um apagão maciço foi registrado no Panamá neste domingo (21), deixando parte do país sem luz e sem água, três dias antes da chegada do Papa Francisco por ocasião da Jornada Mundial da Juventude-2019, confirmaram autoridades.
Comércios sem luz e semáforos inativos dominavam a Cidade do Panamá por volta do meio-dia, segundo um jornalista da AFP no local. As operações do metrô foram interrompidas e as estações, esvaziadas.
Às 11H42 locais (14H42 em Brasília) ocorreu o corte de energia na Cidade do Panamá e em amplas regiões da província, detalhou o gerente da Empresa de Transmissão Elétrica, S.A. (Etesa), Gilberto Ferrari, acrescentando que 70% do serviço já foi restabelecido.
Outros países da América Central, como os vizinhos Costa Rica e Nicarágua, também foram afetados.
"Apresentou-se um evento no sistema integrado nacional que afetou o serviço de energia elétrica em vários setores do país. As equipes estão trabalhando para restabelecer o serviço o mais rapidamente possível", informou a Etesa no Twitter, mais cedo.
Sem definir as causas da falha elétrica, a Etesa havia apontado que o serviço começou a ser restabelecido "paulatinamente".
No entanto, pouco depois, a companhia afirmou que um incidente elétrico na Nicarágua fez com que se perdesse "a carga que havia sido recuperada". Não deu maiores detalhes sobre o ocorrido.
Apesar do corte de energia, o aeroporto internacional de Tocumen e o Canal do Panamá mantiveram suas operações.
Abastecimento de água afetado
O apagão afetou o abastecimento de água em várias partes do país, onde as estações de tratamento de água ficaram sem funcionar, entre elas a que abastece principalmente a capital panamenha.
As estações de tratamento de água "estão fora de serviço devido à falha registrada na rede elétrica", tuitou o Instituto de Aquedutos e Esgotos Nacionais do Panamá (IDAAN).
O presidente do Panamá, Juan Carlos Varela, pediu calma após o incidente.
"Todos os protocolos de segurança e emergência foram ativados imediatamente (...). Fazemos um chamado ao país a manter a normalidade", disse Varela em coletiva de imprensa na sede da Etesa.
Causa não esclarecida
O mandatário negou que a falha tenha ocorrido por uma sobrecarga de instalações elétricas devido a uma maior demanda relacionada com as atividades de preparação para a visita do pontífice, que ocorrerá de quarta-feira (23) até o próximo domingo, 27 de janeiro.
"É um incidente que não está vinculado a nenhuma questão de demanda", expressou Varela, acompanhado de Ferrari.
Ferrari informou que o corte se originou por problemas com a linha de energia entre a localidade de La Chorrera e a Cidade do Panamá, mas disse que as causas ainda não foram determinadas.
Domingo Espitia, coordenador das forças de segurança panamenhas por ocasião da visita de Francisco, afirmou que "todos os planos de contingência previstos" foram ativados com sucesso perante o incidente, e que o país está preparado para lidar com este tipo de situação.
Trata-se da primeira visita de um pontífice ao país caribenho desde 1983, quando João Paulo II fez uma viagem pela América Central.
Espera-se a participação de ao menos 200.000 peregrinos procedentes de 150 países durante a Jornada Mundial da Juventude.

Source: Apagão atinge Panamá a três dias da chegada do Papa Francisco

Similar topics (1)

TinyPortal 2.0.1 © 2005-2020