Hospitais com jardins que ajudam a curar

Iniciado por noticias, 30, Julho, 2023, 08:38

Tópico anterior - Tópico seguinte

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Hospitais com jardins que ajudam a curar


     Áreas recebem tratamento paisagístico e funcionam como espaços terapêuticos para pacientes, familiares e funcionários relaxarem A não ser quando se trata de visitar um bebê recém-nascido numa maternidade, qualquer ida a um hospital, com raras exceções, está longe de significar uma experiência agradável. É por isso que vem ganhando corpo a ideia dos jardins terapêuticos, que ajudam a curar: espaços onde pacientes, familiares e as equipes de saúde podem apreciar a natureza, relaxar e recarregar as baterias.
Boston Children´s Hospital: terraço no 11º. andar
Divulgação
Disparados, na frente, enchem os olhos os projetos em hospitais infantis. O Boston Children´s Hospital tem jardins internos e externos, mas o principal fica no topo e pode ser utilizado para sessões de fisioterapia e até por crianças impossibilitadas de sair do leito. No centro, numa pequena elevação, o gramado convida a relaxar e olhar o céu. No St Louis Children´s Hospital, o terraço dispõe de laguinho, muitas plantas e flores, área para contação de histórias e teatro de marionetes. Para driblar o frio da cidade, o Chicago Lurie Children's Hospital criou um espaço no 23º. andar que, apesar de fechado, aproveita ao máximo a luz natural.
St Louis Children´s Hospital: área com laguinho, plantas e flores
 Divulgação
As boas iniciativas não se restringem ao púbico infantil. No Boston Medical Center, o terraço foi transformado em horta, que fornece produtos fresquíssimos para o consumo dos pacientes e também para as lanchonetes da instituição. A "fazenda" conta ainda com uma colmeia, oferece visitas guiadas e trabalho para voluntários.
Boston Medical Center: horta fornece produtos frescos para o consumo dos pacientes
Divulgação
No sul de Los Angeles, o Martin Luther King Jr. Community Hospital se orgulha do seu "Jardim Azul", ao lado do espaço de meditação, aproveitando o efeito calmante da cor. Seu idealizador é o arquiteto Dan Corson, que usou 33 tons de azuis no projeto: do cascalho que forra os canteiros a plantas cujas folhas apresentam essa tonalidade.
Martin Luther King Jr. Community Hospital: Jardim Azul
Divulgação
Clare Cooper Marcus, professora emérita da Universidade da Califórnia, Berkeley, é autora de "Therapeutic landscapes" ("Paisagens terapêuticas") e uma referência internacional sobre o assunto. Sua fórmula para os jardins terapêuticos inclui ênfase na acessibilidade e distrações: fontes, esculturas, áreas ensolaradas e de sombra, assim como lugares mais reservados para quem quer ficar sozinho.

Source: Hospitais com jardins que ajudam a curar
  • Visualizações 45 
  • LEIA SEMPRE AQUI!
  • 0 Respostas




Tópicos semelhantes (5)