Prefeitura de Corinto adota medidas mais rígidas de combate à Covid-19 após superlotação no pronto atendimento

Iniciado por noticias, 30Março2021, 18:00

« anterior - seguinte »

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

noticias

Prefeitura de Corinto adota medidas mais rígidas de combate à Covid-19 após superlotação no pronto atendimento

Medidas estabelecidas em decreto começam a valer a partir desta terça-feira (30) e seguem até 5 de abril, com possibilidade de prorrogação. 'Estamos trabalhando incansavelmente para ajudar a população, mas a gente precisa que a população nos ajude', desabafa secretária de Saúde. Pronto atendimento municipal de Corinto
Flávio Almeida/Ascom
A Prefeitura de Corinto (MG) publicou um novo decreto com medidas mais rígidas de combate à Covid-19 após o pronto atendimento da cidade ficar superlotado. As medidas começam a valer a partir desta terça-feira (30) e seguem até 5 de abril, com possibilidade de prorrogação.
Conforme o novo decreto, apenas farmácias, serviços de saúde, borracharias, postos de combustíveis, indústrias de alimentação e saúde, bancos e casas lotéricas podem funcionar com atendimento ao público.
Os outros serviços essenciais, previstos na "onda roxa", do Programa Minas Consciente - que regulamenta a flexibilização das atividades em MG durante a pandemia -  podem funcionar apenas por delivery, até às 22h. Esse é o caso de supermercados, padarias e sacolões. As demais atividades não estão autorizadas a funcionar.
Toque de recolher, fechamentos e restrições: saiba o que determina a 'onda roxa' criada em Minas
"Nós tivemos um colapso no domingo, onde deparamos com nossos leitos todos cheios, e já estávamos usando nossos oxigênios de reserva. Nós havíamos abastecido todos eles para o final de semana, porém no domingo tivemos essa superlotação", informou a secretária de Saúde, Iolanda Castro.
Ainda segundo a secretária, a situação do oxigênio foi resolvida com doações feitas pela população e por empresários da cidade. Os nove leitos de enfermaria Covid, disponíveis no pronto atendimento, estavam ocupados nos nesta terça.
"O nosso pronto atendimento não é um hospital, mas nós adaptamos alguns leitos para receber e atender melhor os pacientes de Corinto", explicou.
O município não têm leitos de Unidade Terapia Intensiva, os caso graves são encaminhados para Curvelo, onde a taxa de ocupação dos leitos UTI Covid é de 136%, conforme a Prefeitura.
"Eu faço um apelo a população. Fiquem em casa. Essas 'festinhas' clandestinas em sítios, não vamos fazer isso. Estamos trabalhando incansavelmente para ajudar a população, mas a gente precisa que a população nos ajude", desabafa a secretária.
Em Corinto, além das medidas previstas na "onda roxa", para conter a transmissão do coronavírus, desde sexta-feira (26), a venda de bebidas alcoólicas foi proibida em todos os estabelecimentos. A restrição é válida até 4 de abril.
Até o momento foram confirmados 802 casos da Covid-19 no município, 682 pacientes são considerados recuperados e 26 morreram.
Prefeitura de Corinto publica novo decreto com medidas mais restritivas
Vídeos do Norte, centro e Noroeste de MG
Veja mais notícias da região em G1 Grande Minas.

Source: Prefeitura de Corinto adota medidas mais rígidas de combate à Covid-19 após superlotação no pronto atendimento

Similar topics (5)