Twitter suspende contas de jornalistas dos Estados Unidos

Iniciado por noticias, 17, Dezembro, 2022, 05:02

Tópico anterior - Tópico seguinte

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Twitter suspende contas de jornalistas dos Estados Unidos

Veículos de informação criticaram os bloqueios e a ONU disse que medida é um precedente perigoso.   Twitter suspende contas de vários jornalistas das principais organizações de notícias dos EUA
O Twitter suspendeu as contas de vários jornalistas das principais organizações de notícias dos Estados Unidos.
A declaração das Nações Unidas deu o tom da preocupação. O porta-voz da ONU disse que a suspensão das contas é um precedente perigoso, no momento em que jornalistas do mundo todo enfrentam censura, ameaças físicas ou até piores.
Desde a noite desta quinta-feira (16), as páginas de pelo menos oito jornalistas de vários veículos  aparecem suspensas. A mensagem informa que a plataforma suspende as contas que violam as regras da rede social.
Uma das contas suspensas foi do jornalista Drew Harwell, do jornal The Washington Post, que afirmou que a suspensão descredibiliza as afirmações de Elon Musk de que pretende dirigir o Twitter como uma plataforma dedicada à liberdade de expressão. 
O New York Times publicou que as suspensões, que incluíram um dos profissionais do jornal, são questionável e lamentável e também pediu a reativação das contas e uma explicação satisfatória.
Os repórteres desses dois jornais são especialistas em tecnologia. Assim como os outros suspensos, eles escrevem sobre o Twitter e a nova administração da rede social, comprada por Elon Musk em outubro. Antes de fechar o negócio, Musk criticava a plataforma por falta de liberdade de expressão. Ele prometia mudar isso.
A suspensão dos jornalistas aconteceu um dia depois que o Twitter suspendeu contas que divulgavam a localização em tempo real de aviões de agências do governo e de personalidades, incluindo o bilionário. 
Alguns dos profissionais suspensos compartilharam essas informações, que são públicas e estão disponíveis em site de monitoramento de voos.
O jornalista independente Aaron Rupar confirmou que foi um deles e disse que o que querem é uma desculpa para banir pessoas. 
Em resposta a um usuário do Twitter que publicou sobre as suspensões, Elon Musk escreveu:
"Me criticar o dia inteiro, tudo bem. Mas expor minha localização em tempo real e colocar minha família em risco, não".
A comissária da União Europeia para a Transparência ameaçou aplicar sanções contra o Twitter, com base em uma lei que prevê o respeito à liberdade de imprensa e aos direitos fundamentais.
O pesquisador da universidade da Columbia Britânica, Chris Tenove, que dirige um centro de estudos das instituições democráticas, afirma que falta transparência sobre as novas políticas de gestão do Twitter desde a compra por Elon Musk.
"O que não queremos é uma aplicação arbitrária dessas políticas, para silenciar vozes críticas e, principalmente jornalistas", diz o pesquisador.
LEIA TAMBÉM:
Veja quem são os jornalistas suspensos do Twitter
Elon Musk vende mais US$ 3,6 bilhões em ações da Tesla

Source: Twitter suspende contas de jornalistas dos Estados Unidos
  • Visualizações 669 
  • LEIA SEMPRE AQUI!
  • 0 Respostas




Tópicos semelhantes (5)