Governo decide zerar imposto de importação sobre o arroz para tentar reduzir o preço

Iniciado por noticias, 09Setembro2020, 22:33

« anterior - seguinte »

0 Membros e 2 Visitantes estão a ver este tópico.

noticias

Governo decide zerar imposto de importação sobre o arroz para tentar reduzir o preço

A disparada nos preços vem acontecendo em todo o país. Além do arroz, subiram também os preços do feijão, do leite, do óleo de soja e a cesta básica ficou mais cara. Órgão do Ministério da Justiça notificou, nesta quarta (9), supermercados e produtores para explicar o aumento nos preços. Governo decide zerar imposto de importação sobre o arroz para tentar reduzir o preço
A Câmara de Comércio Exterior do governo federal decidiu zerar o imposto de importação sobre o arroz para tentar reduzir o preço para o consumidor.
A alíquota de importação cai de 12 para 0%, restrita a 400 mil toneladas vindas de fora do Mercosul. Além do arroz, subiram também os preços do feijão, do leite, do óleo de soja. A cesta básica ficou mais cara.
Um dos motivos é o dólar em alta, que torna o produto brasileiro mais barato lá fora. As exportações aumentam. O secretário de Política Econômica também considera que a injeção de dinheiro na economia com o auxílio emergencial aumentou a procura por esses alimentos.
"Você tem agora uma transferência de bilhões de reais que foram para famílias pobres, que começaram a usar esses recursos para comprar mais alimentos, o que, aliás, é um excelente sinal. Com famílias pobres demandando mais alimentos, o preço de alguns alimentos aumentou. Isso nos faz crer que este problema é localizado e transitório. Então, em breve, a normalidade retorna nesse mercado", explica Adolfo Sachsida, secretário de Política Econômica do Ministério da Economia.
Apesar das explicações do próprio governo, a Secretaria Nacional do Consumidor, órgão do Ministério da Justiça, notificou 65 redes de supermercados e cooperativas de produtores. Eles têm cinco dias para explicar o aumento nos preços de itens que compõem a cesta básica. O objetivo é saber se o aumento é abusivo. As multas podem passar de R$ 10 milhões.
Depois de uma reunião na tarde desta quarta (9) com o presidente Jair Bolsonaro e o ministro da Economia, Paulo Guedes, o presidente da Associação Brasileira de Supermercados disse que não se trata de aumento abusivo, mas da lei da oferta e procura. O principal problema está no arroz, um item difícil de substituir.
"O que tudo indica é que foi exportado, por causa do câmbio alto. E é justificável. Os produtores de arroz, por muitos anos, tomaram muito prejuízo. E, agora, eles podendo exportar, você tem aí a China fazendo estoque de alimentos. Isso está sendo favorável para a balança comercial brasileira, mas deu um desequilíbrio aqui no prato do brasileiro, e é isso que o governo vai buscar regular através da importação, e nós vamos fazer a nossa parte, como sempre fizemos", afirma João Sanzovo Neto, presidente da Associação Brasileira de Supermercados.

Source: Governo decide zerar imposto de importação sobre o arroz para tentar reduzir o preço

Similar topics (5)